sexta-feira, janeiro 26, 2007

Um lindo post do Willian

Vou me aventurar a colocar aqui, antes da autorização do Willian, um post que é de sua autoria. Quando passar a chuva! . O Willian é um rapazinho que conheci hoje. Com muita delicadeza e paciência, cumpriu uma tarefa nada agradável em seu trabalho. E, enquanto eu esperava para vê-la cumprida, haja vista que era eu que pedia tal tarefa, em meio a conversas, falamos em Blogs. E lá passei. Foi uma surpresa. Uma capacidade imensa e um dom invejável para a escrita. O que me dá esperança na juventude. Embora tanto "tenham feito" para desvalorizar o estudo, nada apaga o dom que é nato. E a juventude brasileira luta para manter o seu lugar.
Parabéns, Wiliian. E digo-te, mais uma vez: Este post é magnífico.
Aqui deixo para os caros internautas se deleitarem... até porque complementa o post anterior, da minha querida amiga Léia.
Então vamos ao

"Quando passar a chuva" :

"O tempo vai melhorar.
O tempo sempre melhora...
Por entre as nuvens sempre surge, ainda que pequeno, um persistente raio solar...
Sempre há um sol por aparecer...
A chuva vai passar...
ela sempre passa... mais cedo ou mais tarde...
seja com vendavais ou trovoadas...
...seja calma, por fim... ela passa.
E...
quando ela se for...
levará esse temporal de mim.
As gotas de chuva forte que machucavam os ombros...
transformar-se-ão em orvalho que acariciará o rosto...
e... a chuva que molhava o corpo...
fertilizará a alma".

(Willian)


by Miriam, encantada com a profundidade da poesia...

5 comentários:

Mel disse...

Quando passar a chuva
deixarei que a Terra ressequida
se rejuveneça na poesia e na prosa
Que da terra sulcada floresçam
metáforas doces de palavras, lavadas ... abençoadas.

Quando passar a chuva,
bordarei num lençol de linho
o traço de um mágico e silenciado carinho...
E to darei, no beijo-desejo de água salgada.

Que a chuva passada lavará o escuro de uma cirandeira estrada ...
Esta estrada - Que se perde desgovernada em cada boreal madrugada ...

Quando passar a chuva ...
****

Bjs Miriam, por divulgares este jovem lindo e por seres quem és ...


E aqui te deixo ao correr das teclas um mimo para os dois ...
um poemita

Kalinka disse...

E…
aconteceu o jantar da comunidade blogueira.
Telefono e encontro-os ali na esquina
Apresentações, trocas de palavras
Confessionário do Dilbert, FairyFolk,
Choninha e marido.
Frio, muito frio, convida:entra no carro
Esperamos…
mais um telefonema
Todos querem saber como lá chegar
Todos ansiamos pelo encontro
Uns já lá sentados à mesa enorme
Esperando e questionando-se:
Quem são os novos bloguistas?
Da curiosidade fez-se realidade

...continuação lá no kalinka.
Beijos e abraços.

soul&body disse...

waw miriam é deveras um belo poema!!!!
mas eu infelizmente não tenho essa capacidade para veia poética, aliás podemos todos ter, uns mais que outros!!!!!
Mas foi bom revelar-nos esse jovem!!
um bom feliz semana
bjs

Alcebíades José disse...

De repente lembrei-me de um magnifico poema do mais urbano poeta das Terras de Vera Cruz, "Quando o sol bater na janela do seu quarto".
É que o caminho é um só...
Beijos Miriam

Daniel Aladiah disse...

Sim, os jovens são capazes de escrever assim... o que nos dá esperança para o futuro.
Um beijo
Daniel