quarta-feira, maio 30, 2007

Flores do Meu Jardim




Quando a terra ainda tenra,
com sustância adequada
pra germinar as boas sementes
que a vida me ofertava,
fiz do meu peito um jardim
para viver de amenidades.

Plantei rosas vermelhas
que com juras de amor ganhei.
Margaridas? muitas semeei.
Hortênsias cor de anil
salpicadas com Miosótis
eu plantava no mês de abril.


Flor do campo de cores mil,
por todos os cantos espalhei.
Ao redor dos lírios brancos
Sempre-viva esparramei,
são flores que não murcham
nem ao menos perdem a cor.

Eram flores das mais belas
que ornavam meu jardim.
Houve um tempo ditoso,
de todos, o mais precioso,
solo adubado por carinhos,
regado a chuva de beijos,
sem plantar nem semear
só brotavam Amor-perfeito.

A primavera parecia eterna,
as flores deste jardim
viviam a sorrir pra mim.
Os outonos foram chegando ,
tão rápido que nem percebi;
com a carência do adubo
com a falta daquelas chuvas,
sem plantar, nem semear...
Neste peito, agora, só brotam
Saudades e mais Saudades.

(DeiseBotti 27/05/2007)

Recebi esta poesia, hoje, da minha querida amiga Deise. Não poderia deixar de colocar aqui, neste meu cantinho. Que linda poesia, amiga. Que profundidade tamanha! Obrigada por me permitir colocá-la no Blog. Beijinhos.

by Miriam numa homenagem à Deise.

sábado, maio 19, 2007

Um amigo me enviou!... e gostei muito!

Um amigo me enviou!... e gostei muito! Portanto, aqui deixo o texto do Dantas.

Encontrei um poema com apenas dois versos que diz assim:

"Pior do que uma voz que cala
- É um silêncio que fala"

Simples. Rápido. E quanta força.
Imediatamente me veio a cabeça situações em que o silêncio me disse verdades terríveis, pois você sabe, o silêncio não é dado a amenidades.

Um telefone mudo. Um e-mail que não chega.
Um encontro onde nenhum dos dois abre a boca.
Silêncios que falam sobre desinteresse, esquecimento, recusas.
Quantas coisas são ditas na quietude, depois de uma discussão.

O perdão não vem, nem um beijo, nem uma gargalhada para acabar com o clima de tensão. Só ele permanece imutável, o silêncio a ante-sala do fim.

É mil vezes preferível uma voz que diga coisas que a gente não quer ouvir, pois ao menos as palavras que são ditas indicam uma tentativa de entendimento.
Cordas vocais em funcionamentos articulam argumentos expõem suas queixas, jogam limpo.
Já o silêncio arquiteta planos que não são compartilhados.

Quando nada é dito, nada fica combinado.
Quantas vezes, numa discussão histérica, ouvimos um dos dois gritar:

"Diz alguma coisa! Diz que não me ama mais, mas não fica aí parado me olhando..."

É o silêncio de um, mandando más notícias para o desespero do outro.

É claro que há muitas situações em que o silêncio é bem-vindo.
Para um cara que trabalha com uma britadeira na rua, o silêncio é um bálsamo.
Para a professora de uma creche, o silêncio é um presente.

Para os seguranças dos shows do Sepultura, o silêncio é uma megasena.

Mesmo no amor, quando a relação é sólida e madura o silêncio a dois não incomoda, pois é o silêncio da paz.

O único silêncio que perturba é aquele que fala.

E fala alto!!!!

É quando ninguém bate a nossa porta, não há recados na secretária eletrônica e mesmo assim você entende a mensagem".

Um Lindo fim de semana a todos!
Fernando Dantas

Grata, Dantas, pelo excelente texto. Um bom final de semana para ti, também.
Beijos
Miriam

quinta-feira, maio 17, 2007

Prudência- forma de defesa.

Costumo dizer para mim mesma que, caso teime em escrever - quando me dá aquela vontade louca para tal - não sairá nada que preste...
Neste instante estava a pensar isto. Porque tive impulso de vir aqui e escrever... escrever... sem ter nada para dizer... ou tendo!
Parece-me que tenho um vazio no peito, que me força a buscar palavras para decifrar, ou para colocar para fora algo que nem mesmo eu sei o que é... "Ansiedade" - ou aquilo que sei bem o que é e não sei como colocar!
Pois agora estou aqui.. escrevendo... batendo com a ponta dos dedos nas teclas do PC. Tentando desviar a atenção para dentro de mim...? Ou desviar a atenção de dentro de mim...?
Muitas vezes nos damos conta de que estamos correndo perigo... porque somos cercados por pessoas incógnitas ou falsamente nominadas, que estão apenas a nos observar. E, humildemente, mas prudentes como as serpentes, agimos para que possamos ter certeza das nossas percepções, com o fim de proteger-nos.
Talvez estas afirmações últimas não tenham nada com as iniciais... ou estão correlacionadas?
Um post de dúvidas, que fala de uma certeza. Um post que avisa que devemos ser brandos, humildes, carinhosos, amigos, confiantes, mas, em tudo, prudentes.
Existe, nestas atitudes sábias, dons. O dom da ciência, o dom do discernimento e o dom da fé. Todos eles, dados pelo Espírito Santo de Deus, para nossa segurança, para nossa defesa e para nosso crescimento.

by Miriam - prudente como a serpente.

domingo, maio 13, 2007

Uma palavra e meia...

Nada como pensarmos que dissemos tudo, quando, na realidade, muito ainda falta para ser dito.
A cada dia, as palavras vão se somando e formando várias frases... que, juntas, formam textos.... que nos remetem à conscientização de mais outro sentimento que adquirimos com a passagem do tempo.
Hoje tenho mais consciência dos fatos... de todos os fatos. Hoje sou menos matura que amanhã.
Hoje, escrevo aqui alguma coisa sem importãncia, talvez... mas que, somada com todas, ou com a que virá, será de uma profundidade impar.
Hoje sou eu... amanhã também serei. Mas, sem dúvida, não terei sossêgo, enquanto não escrever.. enquanto não criar.
A escrita... é a minha alma que se esparrama pelas folhas. Letra a letra... frase a frase. Dia a dia... no universo da vida.


by Miriam

sábado, maio 05, 2007

Obrigada, Carlos!

Hoje estamos inaugurando a nova carinha do Tratos e Poesias.
Agradeço ao Carlos, que me enviou este template, de sua escolha. Foi um pedido meu.
Carlos. Deixo, aqui, registrado o meu agradecimento e o das meninas que partilham comigo este cantinho.
Beijos, amigo.
Deus te abençoe!
E vocês? Gostaram?

by Miriam, numa nova fase do nosso Blog

quinta-feira, maio 03, 2007

Uma linda música!




Li este comentário no Post da Dani. Amei de paixão, tanto a música, como a tradução.
Agradeço, soul&body , pela oportunidade de conhecer a música e a letra. Linda. Magnífica.
"Uma grande música".

The Moment You Believe

(Tradução)
lyrics

É hora de enfrentar o que você está escondendo
Não tem que fazer isto sozinho
Juntos nós somos fortes
Não precisamos de ninguém
Não importa o que eles dizem
A hora chegou

Eu estou pronto agora para um novo começo
Com todas as nossas esperanças e todos os nossos sonhos
E eu sei que as estrelas vão brilhar para mim e para você....
A partir do momento em que você acredita

Eu sei que eles acham que não sou bom o bastante para você
Mas nós sabemos que eles estão errados
Juntos podemos lutar
Mostre à todos que estamos certos
Eu não me importo com o que eles dizem
Nossa hora chegou

Eu estou pronto agora para um novo começo
Com todas as nossas esperanças e todos os nossos sonhos
E eu sei que as estrelas vão brilhar para mim e para você....
A partir do momento em que você acredita

Quando você acredita, não há nada que você não possa superar
Quando você acredita, a terra brilha mais do que o sol

Eu acredito...
(Quando você acredita, não há nada que você não possa superar)
( Eu acredito)

Eu estou pronto agora para um novo começo
Com todas as nossas esperanças e todos os nossos sonhos
E eu
E eu sei que as estrelas vão brilhar para mim e para você
A partir do momento em que você acredita
A partir do momento em que você acredita

by Miriam , cansadíssima, mas enlevada por ouvir esta música linda!

Um prêmio

Recebemos esta condecoração do Blog da Rosa Maria "À flor da Pele"
Obrigada, Rosa. Agradeço em nome de todas as participantes do Blog.
Tenho que nomear cinco Blogs que me fazem pensar. E sei que muitos me fazem. Também, muitos deles já receberam esta condecoração. Então, pensando em fazer um mimo para meus amigos blogueiros, vou colocar, abaixo, meus escolhidos.

Eu, os meus pensamentos, os meus desabafos...
Llindas coisas leio neste canto! Pensamentos e sentimentos parecidos com os meus.

O desabrochar de uma simples flor
Aqui encontro minha irmã de fé. Belos Posts. Fazem-nos refletir.

red grine & blue
Aqui vejo grande talento e um coração de artista.

Momentos da Vida
O Blog de um amigo querido e especial.

Maresia de Mel
Uma grande pessoa que escreve belas poesias. Mas, além de tudo, um dom invejável para a arte de fotografar.

E aí estão meus Blogs indicados.
Espero que gostem de visitá-los.
Deus os abençoe, abundantemente.
Miriam