domingo, junho 10, 2007

Esperança


Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano

Vive uma louca chamada Esperança

E ela pensa que quando todas as sirenas

Todas as buzinas

Todos os reco-recos tocarem

Atira-se
E— ó delicioso vôo!

Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,

Outra vez criança...

E em torno dela indagará o povo:— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?

E ela lhes dirá

(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)

Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:

— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA...


Mário Quintana

Texto extraído do livro "Nova Antologia Poética", Editora Globo - São Paulo, 1998, pág. 118

15 comentários:

poeta_silente disse...

Dani!
Que lindo!!!!!!!!!
Esta, para mim, é eterna... ela nunca vai se afastar do meu coração.:) beijokinhas
Miriam

Juℓi Ribeiro disse...

Lindo!

Belíssimo post!
Maravilhosa poesia!
Eu já conhecia,
mas sempre
me encanto ao reler.
Parabéns pelo seu blog.
Gostei muito.
Venha me fazer uma visita!
Será um prazer!
Um abraço.*Juli*

Eric Lung disse...

Sempre que te visito cresço um pouco mais.
Sempre que leio os teus posts fico mais equilibrado.
Depois, a agitação do mundo que me espera lá fora suja-me como sempre o fez.
O que vale é que hoje sabemos onde temos que ir para arrancar a crosta podre que insiste em colar-se a nós.
Para mim, isto é viver!
Obrigado

http://olharindiscreto.blogs.sapo.pt/ disse...

Olá de novo,este não conhecia que beleza e tranquilidade sinto...onde deixo umpouco da minha força que Te abrace, meu braço e minha mão sempre que queiras e possa ser util de alguma forma...

Posso saber de quem é a musica?

e como poderei ir novamente ao outro Teu espaço? esqueci de tomar nota de endereço...
Meu e-mail Te deixo, com carinho
ftfontes@gmail.com

Fica bem e meu doce e terno beijo e muita esperança, de dias melhores

Grata pela visita

Maria Clarinda disse...

Maravilha de post! Mário Quintana um dos meus poetas favoritos.
Jhs

Rosa Maria disse...

Estarei atenta ao seu vôo, e qd ela tocar no chão, dar-lhe a mão e nunca a largarei...
Fica um beijo

Daniel Aladiah disse...

Lindo...
Um beijo
Daniel

Nilson Barcelli disse...

Este extracto que publicou é muito bonito.
Fez uma boa escolha.
Beijinhos.

©õllyß®y disse...

Vim deixar uma bjca, querida

Cõllybry

Espirito da Lua disse...

Gostei ,,, esta muito giro;)

Bj Lua

Nilson Barcelli disse...

Gosto do que o Mário Quintana escreve.
A esperança, para além de ser a última coisa a morrer, deve andar sempre renovada.
Beijinhos

PS: acho que é a primeira vez que comento um post da Sandra, pois o habitual é encontrar sempre posts da Miriam. Ou então tenho andado distraído...

Helena Nunes disse...

Lindo.
Bjos

Eric Lung disse...

Este poema é absolutamente maravilhoso.
Obrigado
beijinhos

Daniel Aladiah disse...

Querida Miriam
muito obrigado pela nomeação para as 7 maravilhas. Colocarei lá o selo que me enviaste.
Um beijo
Daniel

Nilson Barcelli disse...

Bom fim-de-semana, beijinhos.